Placenta: o que é e qual sua importância na gestação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram

A placenta é um órgão materno-fetal que é formado durante a gestação e tem como principal função promover a comunicação entre a mãe e o bebê durante toda a gestação. Proporcionando ao bebê: 

  • Nutrição
  • Trocas gasosas – oxigênio principalmente
  • Produção de hormônios e enzimas
  • Proteção imunológica para o bebê
  • Eliminar resíduos produzidos pelo bebê

Como a placenta é formada?

Assim que ocorre a implantação no útero a placenta começa a se formar. Ela é formada por células do útero da mãe e também por células do feto que irá se formar.

A placenta desenvolve-se rapidamente e acompanha o crescimento do bebê. 

A placenta, em geral, apresenta forma redonda  ou ovalada e terá duas faces: uma que ficará voltada para o bebê e outra que ficará aderida ao útero. 

A face voltada para o bebê tem um aspecto mais brilhoso e é possível notar diversos vasos e é dessa face fetal que irá sair o cordão umbilical, que ficará conectado ao bebê. 

O cordão terá 3 vasos – 2 artérias e uma veia – e é por ele que o bebê receberá todos os nutrientes, oxigênio e tudo que ele precisa para o seu desenvolvimento. 

A face materna ficará aderida ao útero, e conta com uma estrutura que chamamos de cotilédones. Essa estrutura será responsável por fazer o transporte de tudo que o bebê necessita

Veja neste vídeo como é a placenta e como é a aparência disso que acabamos de falar. 

O bebê fica dentro da placenta? 

Essa é uma dúvida muito comum das gestantes que atendemos. Na verdade o bebê não fica dentro da placenta, como você pode ver no vídeo acima. 

O bebê fica dentro de uma membrana chamada: membrana amniótica. Dentro dessa membrana ele fica imerso no líquido amniótico, formando o que é conhecido popularmente como bolsa das águas. 

O que acontece com a placenta após o parto? 

Após o parto, a face que estava aderida ao útero se desprende e é expelida, normalmente em até 30 minutos após o parto. É importante que ela saia por completo. Caso fique algum pedaço ou resto de placenta no útero, isso poderá causar infecção, hemorragia e trazer complicações para a mãe. 

Mas não se preocupe, a equipe que estiver te acompanhando no parto ficará atenta a essa situação, irá te instruir e avaliará a placenta no momento que for expelida.

Se tiver alguma dúvida sobre a placenta ou sobre o parto normal, envie pra gente comentando abaixo ou no nosso instagram: @equipepuroamor

Gostou deste artigo?

Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

icone puro amor

Fale conosco

Preencha o formulário que logo entraremos em contato com você.